São, Salvo.

Mês: agosto, 2010

Praça

.

Por favor,

faça da minha vida

sua parte

da minha alma

um espaço livre

pra você caminhar

.

Anúncios

Mundo

.

Há quando ande por aí

sentindo o leve

Mas o mundo é no fim essa coisa

grudada na minha pele

.

Partitura

.

Nos calabouços de dissímulo

optar por fazer-lhe abrigo

de profundezas içadas

em rede de arranco,

[os pulsos

mais atraídos ao sumidouro.

E os joga ao alto

como fogos de artifício,

conversando em cores

numa explosão partilhada.

Acolhe-os em tua jornada

e compõem deles tua alma diária

para que ela resista em descanso

imaculada.

.

Cascata

.

Água de cachoeira

enxurrada levou minha alma

que pensamento gostoso

nadar de braçada

.